Procedimento para retirar bagagens sem acompanhante, cargas de chegada, retidas e de saída.

Bagagens sem acompanhante

A bagagem sem acompanhante é a que se despacha sem que o passageiro, dono dela, viaje no mesmo voo. Nesse caso, o proprietário deverá dirigir-se à DNA (Dirección Nacional de Aduanas), (seus escritórios estão situados junto ao Terminal de Cargas), com a seguinte documentação:

 

Depois que a DNA fizer a verificação, o passageiro se dirigirá  ao setor de Atendimento ao Cliente da TCU SA a fim de realizar o pagamento correspondente, após o qual (e prévio aprovação da DNA) a bagagem  estará pronta para ser retirada do terminal.

 

Retirada de cargas de chegada e retidas (encomendas compradas via Internet, remessas de Courier)

Quando existirem Cargas (encomendas) que chegam ao Terminal (TCU) e são retidas pela Dirección Nacional de Aduanas (DNA), o destinatário recebe do Courier uma notificação da mesma. Em geral, isto acontece com mercadorias compradas através da Internet, amostras e outras remessas de Courier. Neste caso, se procederá da seguinte forma:

  1. O destinatário da encomenda (particular ou empresa) deverá dirigir-se à Mesa de Entrada da Dirección Nacional de Aduanas, (telefone: 2604 0351- 2604 0258). Seus escritórios estão próximos ao Terminal de Cargas (depois do posto da ANCAP, segunda entrada à direita).
  2. Para poder gestionar a retirada da encomenda será necessário realizar junto à DNA, a verificação da carga. Para isso, assim que for apresentada a documentação na Mesa de Entrada (DNA), se iniciará a gestão para a retirada da mesma (dependendo da quantidade de carga pendente de verificação, esta tramitação pode levar entre 20 min e 2 hrs). A consulta sobre o horário de atendimento da DNA poderá ser realizada nos telefones acima mencionados.
  3. Documentação a ser apresentada na DNA:

    ▪ Conhecimento de embarque (fornecido pelo Courier ou Companhia)
    ▪ Carteira de identidade ou passaporte.

     

    Quando se tratarem de cargas que, de acordo a suas características e montantes, excedam os tributos definidos pela DNA, se poderá recorrer aos serviços de um despachante. Os tributos a pagar se estabelecem em função do valor da mercadoria resultante da verificação da DNA (para ampliar esta informação, recomendamos consultar diretamente a DNA). Em caso de não conhecer nenhum despachante, se poderá recorrer a qualquer um dos despachantes registrados na DNA ( poderá ser  consultado numa lista na ADAU ou no Guia de despachantes)

  4. Assim que a DNA conferir a carga, o particular deverá dirigir-se ao setor de Atendimento ao Cliente da TCU S.A. para gestionar a retirada da encomenda. Os custos de armazenagem dependerão do período de estadia das encomendas, do peso e do valor (um calculador que permite estimar a tarifa se encontra disponível em Tarifas)
  5. Os serviços de armazenagem poderão ser pagos à TCU SA em moeda corrente ou mediante cheque nominal (em pesos uruguaios ou dólares americanos). Também se poderá realizar o pagamento através do sistema de débitos automáticos. Neste caso, é necessário contatar previamente o Departamento de Administração Contábil da TCU S.A. (telefone: 2604 0015 ramais 1686 – 1689).
  6. Horário de atendimento  na TCU S.A.: de segunda a sexta de 9:00 a 17:00 horas. Fora desse horário se poderá solicitar a entrega da encomenda gestionando previamente as habilitações correspondentes (com custo adicional). A TCU S.A. recomenda iniciar a tramitação pelo menos uma hora antes do encerramento do horário de expediente, dado que a mesma está sujeita à intervenção de diversos organismos de contralor, de acordo com a natureza da carga.

Cargas de saída

Para enviar amostras, mostruários ou qualquer outro tipo de remessas ao exterior o cliente poderá dirigir-se aos operadores especializados na matéria (Agentes de Carga, Courier, Companhias Aéreas, etc.), onde receberá informação detalhada sobre o procedimento a realizar.